Páginas

14/02/2018

Alice no País das Maravilhas - Kipling

Olá! No post de hoje vou falar da nova coleção da Kipling USA, que é toda inspirada em Alice no País das Maravilhas, então se você é fã do clássico, tenho certeza que vai amar e se encantar com essa novidade.

A coleção está lindíssima e cheia de detalhes que vão te fazer mergulhar no universo de Alice, além das ilustrações dos itens da coleção serem maravilhosas, as fotos da campanha também dão um toque todo especial para deixar tudo ainda mais perfeito. 


Serão 19 peças que incluem mochilas, necessaires, chaveiros e mais. Todos trazendo ilustrações que caracterizam os personagens do filme.


Fotos promocionais da coleção:










Abaixo alguns produtos da coleção:

 




Os Valores dos produtos variam entre $18 a $169.00, ainda não ha previsão para chegado da coleção ao Brasil.

Gostaram da coleção?

Beijos, 

07/02/2018

Dica de filme: Trolls!!

Oi! Já falamos aqui no blog várias vezes que amamos filmes de animação. E o último que assistimos foi o filme Trolls, que é uma animação que foi lançada em 2016 pela Dreamworks que conta com vozes bem famosas em seus personagens em sua versão original Anna Kendrick da voz a Poppy, Justin Timberlake como Branch e Zooey Deschanel como Bridget.

Lançamento: 27 de outubro de 2016
Duração: 1h 33 min
Direção: Mike Mitchell, Walt Dohrn
Elenco: Anna Kendrick, Justin Timberlake e Zooey Deschanel
Gênero: Animação




O filme:
Nesse filme os Trolls não são criaturas gigantes e horríveis como diz a lenda nórdica, nessa animação eles são criaturas fofas, alegres e bondosas que amam cantar e se abraçar.
Mas essas criaturinhas encantadoras acabam precisando fugir dos Berguens que acreditam que só encontraram a felicidade ao come-los, fazendo assim com que eles se mudem para longe da cidade onde viviam criando assim uma nova cidade. Depois de anos a encantadora Poppy decide fazer uma enorme festa nesse novo local chamando  a atenção de uma Berguen, alguns de seus amigos são capturados e levados ao rei para o dia do Trollcídio (dia em que os trolls capturados são comidos).
Então Poppy que não foi capturada começa uma jornada para ajudar os seus amigos junto com o rabugento e triste Branch, que por causa de um acidente que causou a morte de sua vó perdeu a alegria e a cor de ser um Troll. Durante essa aventura eles conhecem a adorável Bridget empregada do rei, que apesar de ser uma Berguen os ajuda a soltarem os seus amigos e é ajudada por eles para conquistar o coração do seu amado rei.
Super indicamos o filme pois além dele ser colorido e alegre nos mostra que a felicidade está dentro de cada um, mesmo que as vezes precisamos do impulso\ajuda de alguém especial para encontra-lá, ela só pode ser encontrada dentro da gente independente de fatores externos. O longa é um filme para toda a família por ser leve, colorido e divertido e  passa uma ótima mensagem e também conta com uma ótima trilha sonora que encanta principalmente os adultos com músicas do Bonnie Tyler, Lionel Richel e Cindy Lauper, 

Personagens:

Cenas: 







Já assistiram o filme ? O que acharam ?Beijos
                                                                                                          




02/02/2018

O que nos inspirou #11!!!

Oi!! Infelizmente não conseguimos atualizar essa tag do blog todo mês, mas sempre que dá estamos compartilhando o que nos inspirou no mês,  os meses passam nos inspiramos bastante mas acabamos esquecendo de postar aqui. Como nos posts anteriores  escolhemos as nossas inspirações entre várias categorias que podem variar de mês para mês para saber o que nos inspirou é só conferir o post.

A primeira inspiração foi esse DIY super fofo inspirado no Valetine days que é comemorado no dia 14 nos Estados Unidos, são vasinhos super fofos decorados com a temática e feito com tattoos temporárias, como amamos diys e plantinhas, adoramos a  ideia para conferir o passo a passo acesse A bubbly Life.

Esse diy não é tão recente, mas achamos a ideia mara, por unir reciclagem das capsulas de café, faça você mesmo e plantinhas, nada melhor do que pegar algo que iria para o lixo e criar algo novo e lindo, amamos a ideia e já queremos reproduzir, para conferir o passo a passo acesse Spring in fialta.

Quando estávamos preparando o post percebemos que tínhamos separados os posts com mais ou menos a mesma temática com plantas e vasinhos e o que falar desse cupcake lindo  de cactus já queremos um rsrsr. Para conferir o post e vídeo com a receita   acesse: Tikkido .

E não podia faltar uma inspiração de cabelo  eesse mês escolhemos o cabelo da Ariane Osaki ela tem um canal no Youtube e é ilustradora e fotógrafa, achamos o cabelo dela lindo tanto pelo tom de ruivo e pelos cachos e o super volume que ela consegue nos cachos, recentemente ela fez luzes o que deixou o cabelo ainda mais uma inspiração, pois ficou sutil mais super iluminado para conferir mais fotos é só seguir o instragram dela Espairecida.



E ai meninas gostaram das nossas inspirações do mês de janeiro ? Cliquem nos links  para conferirem. Beijos                                                                                       



28/01/2018

Resenha: Isla e o Final feliz de Stephanie Perkins!!!!

Oi!!! No post de hoje vamos trazer a resenha do livro Isla  e o Final feliz de Sthepanie Perkins, compramos esse livro em uma lojinha perto de nossa casa onde os livros estavam de promoção por R$ 2,00 como chegamos tarde só achamos dois livros que gostamos da sinopse e resolvemos comprar. É o primeiro livro da autora que compramos e gostamos bastante de leitura, escrita leve e fluida. 



Titulo: Isla e o Final feliz 
Autora: Stephanie Perkins
Editora: Intrínseca
Págs: 304

Sinopse: ''Tímida e romântica, Isla tem uma queda pelo introspectivo Josh desde o primeiro ano na SOAP, uma escola americana em Paris. Mas sua timidez nunca permitiu que ela trocasse mais do que uma ou duas palavras com ele, quando muito.Depois de um encontro inesperado em Nova York durante as férias envolvendo sisos retirados e uma quantidade considerável de analgésicos, os dois se aproximam, e o sonho de Isla finalmente se torna realidade. Prestes a se formarem no ensino médio, agora eles terão que enfrentar muitos desafios se quiserem continuar juntos, incluindo dramas familiares, dúvidas quanto ao futuro e a possibilidade cada vez maior de seguirem caminhos diferentes.Com participações de Anna, Étienne, Lola e Cricket, personagens mais do que queridos pelo público apresentados em livros anteriores da autora, Isla e o final feliz é uma história de amor delicada, apaixonante e sedutora, um desfecho que vai fazer os fãs de Stephanie Perkins suspirarem ainda mais.''





Resenha: Isla sempre foi apaixonada por Josh, mas por ser tímida, nunca teve coragem de falar com ele, Josh um rapaz introspectivo e reservado, ambos moram em Nova York mais estudam em um colégio interno em Paris a SOAP, School of America in Paris.
Um dia durante suas férias em Nova York, após retirar o dente do siso e dopada de tantos analgésicos, ela acaba indo para uma cafeteria e Josh está lá, pelos efeitos do remédio ela acaba chegando e conversando com ele, uma conversa louca e desconexa, mas Josh acaba achando engraçadinho o jeito que Isla chegou nele, mas vendo que ela não está bem ele se oferece para leva-la para casa, Josh a deixa na porta da casa, mas no dia seguinte Isla não lembra do que aconteceu e do que conversaram. Em uma conversa com seu grande amigo Kurt, ela conta sobre ter falado com Josh ela então conta seu plano a Kurt de voltar a cafeteria e se explicar para Josh o que aconteceu, mas acaba não o encontrando. Acabam se passando 3 meses e ela ainda não o tinha encontrado, mesmo voltando para Paris, ela não o encontra de imediato no colégio, mas ao encontrar perde a coragem de falar com ele sobre aquela noite. 
Ela e seu amigo Kurt andam apenas os dois juntos pelo colégio, pois ela se considera no ultimo degrau da popularidade, o que reforça mais sua timidez e o medo de falar com Josh, até que acabam se encontrando na enfermaria e ela acaba puxando assunto com ele novamente e explica o que aconteceu naquela noite.
Eles então começam com pequenos flertes quando se encontram pelos corredores do colégio. Ela então percebe que Josh pode estar começando a gostar dela, ou será que já gostava, pois durante as conversas ela percebe que ele lembra coisais pontuais de conversa que tiveram a algum tempo atrás. Com a aproximação deles Isla percebe que o jeito revoltado e rebelde, dele é por causa da relação que tem com seus pais, principalmente o seu pai que é senador nos Estados Unidos. Após algum tempo de conversa ela a chama para sair, durante esse passeio Josh conta a ela que nunca se aproximou por que achava que Kurt era seu namorado, ele descobre então que eles são apenas bons amigos, e que Kurt é autista,  e por isso ele tem problemas com os namorados de Isla, então após saber como Kurt age, ele fica em saber como lidar com ele para poder passar mais tempo com ela.

Então eles planejam um  encontro, o tão esperado primeiro encontro, ela então fica ansiosa por que esperou por três anos esse momento, eles então se beijam pela primeira vez, mas não acontece como o esperado, por que acaba sendo um beijo meio desastrado, por  eles estarem em uma escada rolante acaba acontecendo um acidente, no qual ele bate no queixo dela e a machuca e ainda caem no chão. Mesmo estando machucada ela leva Josh para um lugar muito importante para ela e Kurt, a ''casa da árvore'', mas não é bem uma casa na árvore e sim um terraço que sua tia lhe deu, um lugar com uma vista incrível de Paris. Com o passar da história vemos que Josh faz de tudo para conquistar ela, se aproxima de Kurt, fazendo com que Isla de sinta feliz com a relação dos três. 


Também percebemos que eles se tornam mas que namorados se tornam grandes amigos que confiam seus segredos  e problemas um para o outro. Em uma das conversas Josh confessa que já sabe o que  quer do futuro, e ela se sente envergonhada por ainda não ter planos e isso em um momento vai acabar influenciando no relacionamento deles. 
Com o jeito rebelde de Josh ele a convence de viajarem juntos para Barcelona, mas para isso eles que tem que fugir do colégio, mesmo correndo o risco de serem pegos e suspensos, ela acaba aceitando e indo com ele, mas mesmo depois de um fim de semana incrível eles são pegos, e acabam tendo que voltar para o colégio antes do fim da viajem, ao voltar ao colégio Isla teme que a relação deles esteja ameaçada, pois ao chegarem no colégio a mãe de Josh está o esperando e super irritada e a trata com indiferença. Josh acaba sendo expulso pelo histórico de mal comportamento e Isla por ser uma boa aluna  acaba apenas na detenção, e isso significa que eles vão se ver apenas nas férias em Nova York. 
Josh volta para Nova York e é proibido de usar o telefone, então eles acabam se distanciando um pouco  e a relação começa a ter alguns maus entendidos. Como por exemplo após seu pai ser reeleito ele acaba mentindo em uma entrevista ao ser questionado se tinha namorada ele fala que não, então ela fica furiosa, mas acredita que deve ter sido o pai que o obrigou, mas acaba descobrindo que ele decidiu mentir para não a expor, por ele estar holofotes por ser filho do senador.

Quando eles finalmente se encontram em Nova York, ele entrega a ela os quadrinhos que desenhou desde que entrou no colégio durante esses três anos, para que ela lendo se sinta perto dele e conheça  todos os seus lados e tudo pelo que ele já passou e assim ela consegue entender o porque do jeito introspectivo e rebelde de Josh. 
Ao ver os quadrinhos ela percebe que Kurt e Josh,são ligados a mapas, Kurt no sentindo literal e Josh no mapa que desenha da própria vida, ao narrar os acontecimentos e desenhá-los, ela então se pergunta quanto tempo ainda fará parte do mapa de Josh e quando e onde as histórias deles se distanciam.Ao ler os quadrinhos ela fica com medo de ter  sido apenas uma distração para Josh, e como tudo começou muito rápido, e de terem sido levados pelo momentos que estavam vivendo ele pela busca de preencher o vazio que seus amigos deixaram, e ela por ter sido apaixonada por ele a três anos. 
Após tantas dúvidas e angústias, ele a chama para um baile muito importante para sua família, ela acaba desabando todas as angústias e inseguranças em Josh, e eles acabam discutindo sério e ela decide terminar o relacionamento sem deixar ele se explicar.
Eles acabam passando meses sem conversarem ela volta a Paris, mas antes ela faz a entrevista na faculdade perto de onde ele estudara e ira morar, mesmo estando em dúvida por que eles não são mais um casal. Ao chegar em Paris percebe que seu amigo Kurt fez novos amigos, e ela acaba ficando meio de lado, da mesma forma que ela agiu com ele quando conheceu Josh, então percebe que tem que tomar coragem e fazer novos amigos. Ela então se encontra com Sanjita uma antiga colega, durante a conversa ela percebe que não consegue ser ver direito e então não conseguia enxergar que Josh a amava, que ele via algo nela, que ela mesma não conseguia enxergar, e a confirmação veio quando sua irmã também lhe falou as mesmas coisas que Sanjita. 




Josh retorna a Paris com seus amigos e  a chama para sair, e ela fica surpresa afinal foi ela que terminou, mas acaba descobrindo que tem dedo de sua irmã, pois ela contou a ele que ela é ainda apaixonada. Durante o encontro com Josh e seus amigos, e fica encantada com a amizade deles, mas acaba ficando confusa por que Josh a convidou se nem falou muito com ela. Após o encontro ele a leva ao colégio, e lhe entrega novamente os quadrinhos, mas com algumas alterações feitas, para que ela veja as mudanças, e  ela terá que tomar uma decisão sobre o futuro dos dois. 


O livro mostra como a insegurança pode vir de dentro da gente, e que as pessoas podem nos ver e mostrar o que não conseguimos enxergar em nós mesmos e como nos afetar, nos deixando tímidos e não deixando acreditar em nosso potencial e nem em nós mesmos, vemos no livro como ela só se enxergou após ver como as pessoas a viam e passou a acreditar que podia ser amada. O livro é de romance, mas também trata de relacionamentos familiares, descobertas, duvidas sobre o  futuro, algo que todos já passamos então é fácil de se identificar. 
Um ponto que não curtimos é a forma como tudo acontece muito rápido, em apenas alguns meses eles já trocam juras de amor, mesmo que Isla já era apaixonada por ele, ela não o conhecia realmente, então essa rapidez no relacionamento deixa a historia um pouco forçada, mas gostamos do livro como um todo então relevamos essa parte.
Ainda não tínhamos lido nenhum livro da autora, mas gostamos da escrita leve e que deixa uma leitura fluida, mas sem deixar os detalhes de lado.   
Em uma pesquisa descobrimos que esse livro é o último de uma trilogia, os outros dois livros são '' Anna e o Beijo Francês'' e ''Lola e o Garoto da Casa '', então ficamos curiosas para ler os outros. 


Esperamos que tenham gostado da resenha.Já conheciam o livro?

Comentem.